Carregando...

Publicidade

(Foto: Globo Esporte)

Sassá entra no segundo tempo, brilha e garante o Bota na semi da Taça Rio

Atacante é o grande destaque da partida no Estádio Nilton Santos ao marcar duas vezes, sendo que a segunda de bicicleta. Alvinegro enfrentará o Fluminense na semifinal

02/04/2017

PANORAMA

A cobrança entre os jogadores do Botafogo revelada neste sábado pelo atacante Rodrigo Pimpão surtiu efeito dentro de campo. Depois de ficar fora das partidas decisivas do primeiro turno do Campeonato Carioca, quando deu prioridade para a Libertadores e usou o time reserva, o Alvinegro garantiu uma vaga nas semis da Taça Rio ao vencer o Resende na tarde deste domingo por 3 a 2, no Estádio Nilton Santos. O grande destaque foi o atacante Sassá, que entrou na etapa final e marcou duas vezes, sendo que o segundo de bicicleta


DUELO NA SEMIFINAL

O resultado deixou o Botafogo na primeira colocação do Grupo B. Com isso, o Alvinegro, que tem a vantagem do empate, enfrentará o Fluminense na semifinal da Taça Rio. O Tricolor terminou em segundo no Grupo C.

Na classificação geral, o time terminou na quarta colocação. Assim, também já sabe seu adversário na semifinal do Campeonato Carioca: o Flamengo, que ficou em 1°.
 

PRIMEIRO TEMPO

Com praticamente todo o time titular (Airton, Jonas e Carli não jogaram), o Botafogo começou pressionando. Logo aos quatro minutos, Pimpão recebeu lançamento na área e tocou para trás. Camilo tentou um voleio, mas furou. A bola sobrou para Montillo, que bateu de primeira e obrigou o goleiro a fazer bela defesa.
 

A superioridade seguiu e o gol era questão de tempo. Aos 30 minutos, Camilo cobrou escanteio, Renan Fonseca cabeceou para frente. Lindoso apareceu sozinho para desviar e abrir o placar. Marcinho, que atuava na vaga do lesionado Jonas, teve boa participação no ataque, mas acabou sendo substituído após sentir o joelho em uma jogada no ataque. Fernandes entrou em seu lugar.
 

SASSÁ BRILHA NA ETAPA FINAL

Já pensando na Libertadores, Jair Ventura tirou o meia Camilo no segundo tempo. Logo depois da substituição, o Botafogo levou o empate. Após um contra-ataque, Pingo recebeu na entrada da área e bateu no canto, sem chance para Gatito. A torcida pediu, e o técnico colocou Sassá em campo. Mas foi Guilherme que quase desempatou. Aos 35, ele arriscou de fora da área e acertou a trave.

No ataque seguinte, o próprio Guilherme sofreu pênalti, quando se preparava para finalizar e foi tocado na área. Sassá bateu com categoria e marcou aos 40. Um minuto depois, o atacante aumentou com um golaço. Pimpão cruzou na área, e ele pegou de bicicleta, fazendo a torcida ir ao delírio. O Resende ainda diminuiu com Thiago Salles.
 

PÚBLICO E RENDA

Público pagante: 8.620
Público presente: 10.147
Renda: R$ 91.610,00