Carregando...

Publicidade

Projeção de imagem de vítima do novo coronavírus marca celebração no Cristo Redentor. (Foto: AFP)

Imagens de vítimas da Covid-19 são projetadas no Cristo Redentor em celebração de homenagem

Promovida pela CNBB e Cáritas Brasileira, celebração teve mensagens de solidariedade às famílias.

Fonte: Diário do Nordeste
01/07/2020

As vítimas da Covid-19 foram lembradas, hoje (1º), durante a celebração de uma missa,  no Santuário do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro. A organização foi da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e da Cáritas Brasileira, com apoio do Verificado, iniciativa da Organização das Nações Unidas para combate à desinformação. 

Após a missa houve projeção de imagens no Cristo Redentor. O encerramento foi com um show da cantora Alcione, que teve como mestre de cerimônia a atriz Cris Vianna.

Missa teve uma bênção do papa Francisco, com o desejo da chegada de dias melhores, e do presidente da CNBB, dom Walmor Oliveira de Azevedo. (Foto: AFP)

Com o tema é Para Cada Vida, a celebração teve mensagens de solidariedade às famílias que tiveram perdas causadas pela pandemia, de gratidão aos profissionais da saúde, trabalhadores e voluntários anônimos que estão atuando no combate à doença, e, ainda, de esperança a todos os brasileiros, informou a CNBB.

“Com a celebração, a CNBB, a Cáritas Brasileira e o Verificado têm o objetivo de proporcionar uma homenagem para cada vida, além de humanizar este momento crítico pelo qual o mundo está passando, dando luz às vidas perdidas, que tendem a serem apenas estatísticas devido ao alto número de óbitos diários”, disse a organização do evento.

 

Monumento lembra número de vítimas pela Covid-19. (Foto: AFP)

A missa teve uma bênção do papa Francisco, com o desejo da chegada de dias melhores, e do presidente da CNBB, dom Walmor Oliveira de Azevedo. A celebração foi do arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta.

O cardeal destacou a escolha da Arquidiocese do Rio de Janeiro para ser o lugar de manifestar a solidariedade e oração por aqueles que faleceram com essa pandemia. “Justamente nesse altar, que é o Cristo Redentor, queremos colocar todas as pessoas do mundo inteiro que partiram, para que sejam recebidas na casa do Pai. E rezar pelos seus familiares para que consolados prossigamos na procura do bem e da paz.”


Total de acessos: 344191

Visitantes online: 1