Carregando...

Publicidade

Resolução da Executiva Nacional do PT definiu a campanha de Lula como a principal prioridade eleitoral. (Foto: AFP)

Divisão de Fundo Eleitoral: PT deve priorizar Lula e reeleição de parlamentares.

17/03/2018

São Paulo/Brasília. Apesar de falar que a renovação política é um desafio para as próximas eleições, o PT vai priorizar na divisão do bolo do fundo eleitoral a eleição presidencial e a recondução de parlamentares que já têm mandato no Congresso Nacional.

Resolução aprovada pela Executiva Nacional do partido e divulgada na sexta-feira determina que a prioridade da legenda será o financiamento da candidatura do ex-presidente Lula, que pode não participar das eleições se mantida sua condenação judicial. O partido afirma que tem o desafio de "disputar o coração dos brasileiros".

"A eleição do companheiro Lula para a presidência do Brasil é a principal prioridade do Partido dos Trabalhadores na estratégia eleitoral de 2018", diz o texto.

Após isso, em ordem de prioridade, o partido destinará a maior parte dos recursos para a eleição de deputados e senadores "priorizando os(as) candidatos (as) à reeleição e aqueles(as) com viabilidade eleitoral", conforme a resolução.

Na sequência, a recondução do PT nos cinco Estados governados pelo partido está elencada na distribuição de recursos, seguida da eleição de deputados estaduais. Por último, haverá uma destinação de valores para campanhas em favor do voto em legenda visando ampliar a bancada federal.

Marielle

Na resolução, a legenda reconhece que o dinheiro disponível este ano não será suficiente para bancar uma campanha como o partido gostaria.

"Há outros desafios que precisarão ser enfrentados para alcançarmos o respeito à diversidade partidária, o desejo por renovação e a ampliação do nosso espaço na sociedade e no sistema político", diz a resolução.

A reunião que aprovou a resolução sobre o financiamento eleitoral foi a mesma que apresentou outro documento no qual diz que o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ) faz parte do mesmo processo político que levou à condenação do ex-presidente e que pode culminar com a prisão do petista.



Total de acessos: 238052

Visitantes online: 9