Carregando...

Publicidade

Ricardinho voltou a marcar após mais de 2 meses. Foi apenas o segundo gol do meia na temporada. Um jejum que durou 12 partidas. Mas, ontem, recebeu bola na entrada da área e mandou com muita categoria no gol do goleiro Artur, que nada conseguiu fazer. (Foto: Kid Júnior)

Campeonato Cearense: Alvinegro impiedoso.

Soberano e letal no ataque, Ceará goleia o Uniclinic por 6 a 0 e praticamente garante vaga na final.

26/03/2018

Como um verdadeiro rolo compressor, o Ceará não tomou conhecimento do Uniclinic no 1º jogo da semifinal, e com uma sonora goleada de 6 a 0, ontem, no Presidente Vargas, está praticamente na decisão do Campeonato Cearense.

O Alvinegro, que já iniciou o confronto com a vantagem de dois resultados iguais por ter sido o líder da 2ª Fase, só não será finalista do Estadual se perder no dia 1ª de abril, às 19 horas no Castelão por sete gols de diferença. Mas antes de pensar na segunda partida da semifinal, o Vozão atua na quinta-feira pela 6ª e última rodada da 1ª Fase da Copa do Nordeste, contra o Salgueiro, às 19 horas no Castelão. Já classificado, o time alvinegro é líder do grupo D com 10 pontos e busca, diante do eliminado time pernambucano, confirmar a 1ª colocação vencendo a partida.

Desde o início, ficou clara a configuração da partida, com o Alvinegro dominando as ações e o Uniclinic fechado, procurando algum contra-ataque. Mas nos primeiros 10 minutos, o Ceará, mesmo com a bola, cadenciava demais o jogo, não conseguindo furar o 'ferrolho' montado pelo técnico da Águia, Luan Carlos.

Com paciência, o Vozão chegou ao primeiro gol, aos 17 minutos: Juninho arriscou de fora da área e o goleiro Artur caiu esquisito e aceitou: 1 a 0.


Arthur teve mais uma tarde iluminada com dois belos gols e uma assistência. (Foto: Kid Júnior)

O gol fez o Uniclinic sair mais para o jogo, mas embora tenha achado alguns espaços pelos flancos, não conseguia criar.

E assim, sem ser incomodado ou forçar muito, o Vovô chegou ao segundo gol no fim da primeira etapa: Richardson evitou a saída de bola na raça, Wescley tocou de calcanhar para Pio, que fuzilou, sem chances para Arthur: 2 a 0.



Com a vitória encaminhada, o Vovô tratou de resolver logo a classificação no 2º tempo. Logo com dois minutos, Ricardinho recebeu passe de Juninho na entrada da área e bateu cruzado para ampliar: 3 a 0.

Com amplo domínio técnico, ampliar mais ainda o placar era questão de tempo para o Ceará. E com um artilheiro como Arthur em campo, mais gols saíram. Foram dele os dois gols seguintes, aos 5 e aos 14 minutos, em duas belas finalizações, combinando força e precisão.

Com cinco gols de vantagem, o técnico do Ceará, Marcelo Chamusca, utilizou o restante da partida para alterações e até testes, com Arthur e Élton juntos no ataque: e foi da dupla a jogada do sexto gol, aos 29 minutos: Arthur recebeu na ponta e serviu Élton com um bom passe, com o centroavante só tendo o trabalho para empurrar para o gol e fechar a goleada: 6 a 0.



Total de acessos: 235261

Visitantes online: 22