Carregando...

Publicidade

(Foto: Reprodução/Internet)

Feriadão: PRF alerta para cuidados na hora de pegar estrada.

Feriado da Semana Santa é considerado o mais perigoso do ano por registrar mais acidentes fatais.

28/03/2018

Imprudência dos motoristas, estação de chuvas, com vias molhadas e mais escorregadias, junção do consumo de bebida alcoólica e direção, além de um maior número de veículos circulando nas estradas. A combinação desses fatores faz com que a Semana Santa seja um dos períodos do ano de maior preocupação no trânsito. Nos últimos cinco anos, entre 2013 e 2017, 16 pessoas morreram e 657 ficaram feridas somente nas rodovias federais que cortam o Estado, num total de 277 acidentes registrados no feriado prolongado.

Por esta razão, aliada aos ataques registrados contra ônibus e prédios públicos em Fortaleza, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Ceará vai deflagrar a Operação Semana Santa a partir da zero hora de amanhã, estendendo-se até às 23h59 do próximo domingo (1º), com reforço no policiamento.

De acordo com o inspetor Flávio Maia, chefe do Núcleo de Comunicação da PRF, para isso, o órgão vai utilizar todos o seu efetivo, inclusive o pessoal da administração em escalas 24 horas, além de equipamentos como bafômetros, radares estáticos e veículos, com foco também nas unidades operacionais em Caucaia, Canindé, Sobral, Russas e Icó. A estratégia é oferecer reforço concentrado no policiamento preventivo em locais e horários de maior incidência de acidentes e de criminalidade. "A Semana Santa é um dos feriados mais importantes do cristianismo, com missas, procissões e eventos especiais e motoristas circulando mais nas estradas do Interior", explica.

Na operação deste ano, aponta, serão priorizadas ações preventivas para a redução da violência do trânsito e de acidentes relacionados ao excesso de velocidade, à alcoolemia ao volante, às ultrapassagens indevidas, ao uso inadequado do cinto de segurança e da cadeirinha para transporte de crianças, e ocorrências envolvendo motocicletas ou ciclomotores. "Muitos ingerem bastante vinho, como se essa bebida não tivesse alto teor alcoólico e vão dirigir. Além disso, esse período também preocupa por ser nossa estação chuvosa, mês onde são esperadas mais chuvas e com isso as estradas ficam molhadas e mais perigosas", alerta.

O planejamento das ações nesta Operação levou em consideração a análise de dados estatísticos com foco no comportamento dos motoristas e nas características dos acidentes graves, ou seja, acidentes que resultem mortes ou vítimas feridas gravemente. Em 2017, durante a Semana Santa, foram registrados 36 acidentes, 38 feridos e duas mortes nas rodovias federais do Ceará.

A PRF chama atenção para a volta do feriado, no Domingo de Páscoa. Na BR-116, entre os KM 53 e 71 (trecho entre Chorozinho e Pacajus) terá sentido único Interior/Capital, das 13 às 18 horas. Os desvios para quem precisa seguir pelo sentido contrário, ou seja, Capital-Interior, serão feitos pelas CEs-040, 253 e BR-304. Segundo a corporação federal, a medida é necessária para aumentar a fluidez do trânsito e diminuir a ocorrência de acidentes e congestionamentos no período de grande movimentação na rodovia.

Já o Governo do Estado informa que o feriado contará com reforço de atuação diária de 1.680 profissionais de Segurança exclusivos para resguardar todo o Ceará. Serão policiais militares, civis, bombeiros e peritos forenses destacados para todo os pontos do Estado. Delegacias também terão esquema de plantão, em especial nas principais cidades do Interior.

A Operação Semana Santa já possui gabinete estratégico montado. Ainda segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), a atuação nas ruas começa às 18 horas de amanhã e segue até às 6 horas da próxima segunda-feira.

Dicas

O engenheiro de transporte Sérgio Holanda indica que, para reduzir as chances de acidentes, mesmo após revisão do veículo, também os passageiros da parte traseira devem usar cinto de segurança.



Total de acessos: 178866

Visitantes online: 2