Carregando...

Publicidade

(Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)

Após Tragédia: União procura prédios inativos.

07/05/2018

Brasília. O governo federal fará um estudo para identificar a situação dos edifícios públicos e aqueles que podem estar ocupados de forma irregular. Um levantamento da Secretaria de Patrimônio da União (SPU), vinculada ao Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, mostra que a União é dona de mais de 652 mil imóveis - incluindo terrenos, casas, galpões e edifícios comerciais.

A exemplo do edifício Wilton Paes de Almeida, incendiado e que desabou no último dia 1º em São Paulo, há 179 prédios comerciais da União inativos em todo o país, além do exterior, que somam dois. Sobre possíveis ocupações em imóveis com situação semelhante ao do edifício Wilton Paes de Almeida, a secretaria informou que o levantamento ainda está em curso.

"O patrimônio da União é vasto e a Secretaria do Patrimônio da União está se modernizando para melhor informar os dados referentes aos imóveis da União no país. É importante ressaltar que a SPU está trabalhando no recadastramento de todos os imóveis inativos da União e irá implementar o respectivo plano para o seu aproveitamento. Outros dados estão sendo apurados e serão informados oportunamente", informou a SPU.

Segundo a SPU, hoje há 655 mil imóveis de propriedade e uso da União cadastrados

Ontem, os bombeiros encontraram restos mortais nos escombros do edifício Wilton Paes de Almeida. Foram recolhidos uma arcada dentária e parte de um rosto próximo ao local onde o corpo de Ricardo Pinheiro, conhecido como Tatuagem, foi encontrado na sexta-feira (4).



Total de acessos: 216965

Visitantes online: 7