Carregando...

Publicidade

No Estado, segundo o Sebrae, serão quase 400 ações entre cursos, oficinas, workshops, palestras e rodadas de serviços financeiros. Projeto visa atender mais de cinco mil pessoas. (Foto: Kiko Silva)

Sebrae Amplia Orientação: Estado atinge marca de 221,3 mil MEIs em maio.

Em abril, o número de microempreendedores nesta categoria, no Ceará, era de pouco mais de 220 mil.

09/05/2018

O Ceará registrou na primeira semana de maio cerca de 221.309 microempreendedores individuais, um acréscimo em relação ao fim de abril quando o Estado tinha pouco mais de 220 mil empreendedores nesta categoria. Os resultados representam a recuperação do setor, que havia encolhido com a crise econômica, mas atualmente começa a dar sinais de melhora. Para auxiliar os novos negócios, o Serviço Brasileiro de Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) vai realizar de 14 a 19 deste mês a Semana do Empreendedor Individual (Semana do MEI).

Neste ano, segundo o Sebrae, o foco será direcionado para assuntos como aumento de vendas, gerenciamento de finanças e crédito para o negócio. "O evento, em todo País, é totalmente gratuito, é uma iniciativa do Sebrae e vai mobilizar o corpo técnico da instituição em todos os estados, numa iniciativa motivada, principalmente, pelo fato de que, segundo pesquisa do próprio Sebrae, 25% das empresas vão à falência justamente por causa das vendas", informou a instituição.

Ações

No Ceará, serão quase 400 ações entre cursos, oficinas, workshops, palestras e rodadas de serviços financeiros com o objetivo de atender mais de cinco mil pessoas. Tudo planejado para aproximar, ainda mais, os microempreendedores individuais dos seus consumidores. "No total, a programação envolverá 107 municípios das regiões do Baixo Jaguaribe, Centro Sul, Sertão Central, Fortaleza, Zona Norte, Cariri, Itapipoca, Sertões dos Inhamuns e Crateús, Ibiapaba, Litoral Leste e Região Metropolitana da Capital".

Durante o evento, os donos de pequenos negócios vão aprender como elaborar estratégias de vendas. "Assim, a partir da orientação do Sebrae, a ideia é que o empreendedor perceba como se posicionar em um mercado cheio de concorrentes e aprenda a avaliar os fatores econômicos, mercadológicos e comportamentais que afetem o sucesso da empresa", disse o Sebrae.

Educação financeira

Pela segunda vez, a Semana do MEI vai ter, paralelamente em sua programação, a Semana da Educação Financeira que vai ensinar como os empreendedores devem administrar suas finanças e facilitar o acesso ao crédito. Além dos cursos sobre "Gestão de Finanças" e "Como controlar o dinheiro", serão realizadas Rodadas de Serviços Financeiros que vão aproximar os empreendedores das instituições bancárias com linhas de financiamento específicas para o segmento.

Ao todo, serão cinco rodadas sendo uma em Crateús, outra em Ipu, outra em Mucambu e duas em Fortaleza. As rodadas da Capital acontecem, respectivamente, nos dias 15 e 16 de maio, no Mucuripe Moda Center e, no dia seguinte, no Centro Fashion Fortaleza.

Na capital cearense, além das rodadas financeiras acontecerão quase 50 ações, entre palestras, oficinas e um talk show, no dia 17 de maio, no Auditório do Sebrae Ceará, sobre Economia Criativa, com Heliana Marinho, chefe do Departamento de Economia Criativa do Sebrae/RJ e tendo como debatedores, Cláudio Silveira, idealizador do Dragão Fashion Brasil e André Farias, presidente da Rede Coworking Ceará.



Total de acessos: 177004

Visitantes online: 25