Carregando...

Publicidade

Edinho, Gustavo e Jussani vibram na vitória mais recente do Leão. (Foto: Natinho Rodrigues)

Série B: Foco no topo.

Fortaleza tem teste difícil para manter a sua liderança diante do Figueirense, no Estádio Orlando Scarpelli.

18/05/2018

Com apenas uma mudança em relação ao time que venceu o Goiás, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o Fortaleza defende a liderança da competição, às 21h30 de hoje no Estádio Orlando Scarpelli, contra o Figueirense/SC.

Os dois times duelaram pela Série B em 2009, pela última vez e houve uma vitória para cada lado. O Figueirense venceu em casa por 3 a 1 e o Leão devolveu o placar no Castelão.

Classificação

No momento, a situação de classificação se apresenta mais favorável para o Fortaleza, que é o líder com 13 pontos ganhos, a mesma pontuação do Vila Nova/GO. O Figueirense vem na sétima posição, com nove pontos ganhos, mas é uma equipe favorita para voltar à Série A. O Leão está invicto na competição, ao passo que o adversário vem de derrotas para o Brasil de Pelotas, fora de casa e para o Avaí/SC, em casa, no clássico local.

"Sabemos que a equipe deles não vem em um bom momento, mas jogar aqui é sempre difícil. Espero que a gente possa entrar focado, para que levemos mais três pontos para casa", disse o centroavante Gustavo, que conhece bem o Orlando Scarpelli e o adversário, por ter atuado muito tempo no Criciúma.

Gustavo acredita, que pela pressão que a torcida vai fazer, o Figueirense vai querer ir para cima logo, nos primeiros minutos, daí porque, todo cuidado será pouco nos primeiros minutos.

A situação de desfalques que o Figueira terá no confronto não parece iludir os jogadores do Leão do Pici, a julgar pelas palavras do volante Jean Patrick, tão logo se encerrou o treino preparatório para a partida: "Eu não acredito que, por vir de duas derrotas, o Figueirense venha com problemas para nós. É uma equipe muito qualificada. É uma grande equipe e independentemente de algum jogador que tenha saído do time, há sempre outro de qualidade para substituir, disse Jean Patrick.

O Tricolor não terá o atacante Osvaldo, que viajou para jogar na Tailândia. Em seu lugar, deverá entrar mesmo Marlon. O restante do time é o mesmo dos jogos anteriores.

Figueirense

O técnico Milton Cruz conviveu muito tempo com Rogério Ceni, treinador do Fortaleza, quando estavam no São Paulo. Será um reencontro entre ambos e agora um contra o outro. Milton tem dois desfalques, os volantes Betinho, que está lesionado no tornozelo e Zé Antônio, que recebeu o terceiro cartão amarelo.

Matheus Sales vai substituir Betinho, enquanto para a vaga de Zé Antônio, o técnico ainda vai resolver. Milton não vê problemas em não começar tão bem a Série B, preferindo pensar em como o Figueira chegará no final da competição.


(Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)


Total de acessos: 239408

Visitantes online: 1