Carregando...

Publicidade

O atacante Neymar chegou à Granja Comary ontem. Ainda não está definido se ele treinará com bola, na quarta-feira (23) (Foto: CBF/Divulgação)

Começo de Trabalho: Jogadores se apresentam na Seleção.

22/05/2018

Foi-se o tempo do ônibus para a Seleção Brasileira. Assim como acontecera na última vez em que treinou na Granja Comary, no ano passado, a Seleção Brasileira optou pelo helicóptero para transportar os jogadores a Teresópolis (RJ), na serra fluminense ontem, visando o início dos treinos para a Copa do Mundo de 2018. Marquinhos, Fred e Filipe Luís foram os primeiros a desembarcar no local.

Ao todo, 17 dos 20 jogadores que treinarão em Teresópolis são esperados na Granja Comary. Dezesseis deles devem estar no CT da seleção até o início da tarde. O goleiro Cássio, do Corinthians, chegará à noite. Alisson, Philippe Coutinho e Miranda chegam apenas hoje.

O volante Casemiro e o lateral-esquerdo Marcelo, do Real Madrid, além do atacante Roberto Firmino, do Liverpool, se apresentarão apenas na semana que vem, em Londres. Isso porque o trio disputa a final da Liga dos Campeões da Europa no próximo sábado, em Kiev, na Ucrânia.

Neymar presente

O atacante Neymar chegou à Granja Comary, em Teresópolis, por volta do meio-dia. Estava com fones de ouvido e se mostrava à vontade. Mas o próprio Neymar já admitiu que precisa recuperar a confiança. Tite sabe disso e promete ajudar o atacante.

Ainda não está definido se o atacante irá a campo na quarta-feira, quando a Seleção terá seu primeiro treino com bola na Granja Comary. A tendência, contudo, é de que isso aconteça na quinta ou na sexta-feira.

Na Seleção, a comissão técnica trabalha com a convicção de que o atacante estará pronto para estreia na Copa, diante da Suíça, em 17 de junho. Antes, ele deverá participar dos amistosos diante de Croácia e Áustria, mas possivelmente sem jogar o tempo inteiro. Vai depender, além da opção de Tite, das avaliações dos preparadores físicos Fábio Mahseredjan e Ricardo Rosa.

Dinheiro para jogadores

A comissão técnica decidiu mudar a forma de premiação financeira dada aos atletas na Copa do Mundo. O coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar, revelou que o elenco poderá ter até três premiações no Mundial da Rússia - e duas delas passam por estar em Moscou para a disputa da decisão. Os valores não foram revelados.

Ao longo das Copas, a forma de premiação na Seleção Brasileira variou. Em geral, os jogadores recebiam bonificação caso fossem avançando na competição. Agora, o grupo recebeu um prêmio por ter sido convocado, e ganhará mais dois caso conquiste o hexacampeonato.



Total de acessos: 176309

Visitantes online: 39