Carregando...

Publicidade

Atacante Gustavo no momento que cabeceou para marcar o 1º do Leão. (Foto: Thiago Gadelha)

Série B: Fortaleza cada vez mais líder.

Tricolor fez o essencial diante do Criciúma, vence o Tigre por 2 a 0 e dispara na liderança da Série B.

23/05/2018

Mesmo mostrando cansaço, pois tinha jogado no dia 18 em Florianópolis contra o Figueirense/SC, o Leão venceu o Criciúma por 2x0, ontem à noite na Arena Castelão, disparando na liderança isolada do Campeonato Brasileiro da Série B, com 19 pontos.

Com a derrota do CSA/AL para o Figueirense, o Leão abriu quatro pontos de diferença do segundo colocado, o time alagoano. O próximo compromisso do Fortaleza será no dia 2 de junho, às 16 h30 contra o Sampaio Corrêa, na Arena Castelão.

O Leão manteve o mesmo ritmo intenso dos outros jogos contra o Criciúma. O Tigre Catarinense fez uma marcação alta, desde o início, procurando bloquear e buscar o contra-ataque.

João Paulo, Mailson e Elvis davam o primeiro combate, procurando fazer o desarme em cima dos zagueiros e volantes do Tricolor. Mas, o time leonino tratou logo de furar esse bloqueio e a saída veio aos 13 minutos. O lateral-esquerdo Bruno Melo cobrou um arremesso manual para o volante Jean Patrick, que se projetou ao ataque rente à lateral. Ele cruzou para a área e Gustavo cabeceou de cima para baixo e marcou 1x0.



Estrutura

O torcedor do Leão poderia perguntar se o volante Derley fez falta e se a ausência de Osvaldo pela esquerda ainda é sentida na formação da equipe. O meia Marlon, que substitui Osvaldo, funciona bem na organização de jogadas e também na recomposição do meio-campo, auxiliando quando o time estava sem a bola.

O volante Felipe torna a equipe mais ofensiva, mas não possui a característica de marcação de Derley. Mesmo com essa variação no modo de jogar do Leão, a equipe orientada pelo técnico Rogério Ceni prosseguiu mostrando a mesma boa articulação de jogadas, aproximação dos atletas e tabelas bem tramadas.

O Criciúma insistiu na marcação alta e o seu melhor momento foi quando o atacante João Paulo viu a defesa parar, esperando impedimento. Ele avançou na diagonal pela esquerda, mas Tinga acabou travando o seu chute a gol. De resto, o Fortaleza dominou as ações, tendo a seu favor, inclusive uma bola no travessão. O zagueiro Christian quase marcou um gol contra.

O Criciúma cresceu no segundo tempo, levando perigo ao gol de Marcelo Böeck. O centroavante Zé Carlos, que já atuou pelo Fortaleza, mandou uma cabeçada, que Böeck espalmou no ângulo superior.

Uma parte dos refletores se apagou aos 28 minutos do segundo tempo e a parada esfriou o Criciúma e recuperou o Leão.

O centroavante Wilson, que havia entrado no lugar de Gustavo, fez jogada na área aos 43 minutos. O volante Liel recuou mal e Leonan pegou a sobra, marcando 2x0 e fechando o placar para o time, que acabou merecendo, por ter tido um domínio maior do jogo, somando-se as duas etapas da partida.


(Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)


Total de acessos: 176306

Visitantes online: 36