Carregando...

Publicidade

Proprietários e motoristas de topiques e vans montaram barricadas com pneus na CE-060. (Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)

Pelo segundo dia consecutivo protesto dos combustíveis continua no Maciço de Baturité

24/05/2018

Proprietários e condutores de utilitários, incluindo caminhões, ônibus e topiques, continuam bloqueando o trevo da CE-060, de acesso ao Maciço de Baturité e cidades circunvizinhas. Eles protestam contra os aumentos sucessivos nos preços dos combustíveis. Desde cedo o tráfego voltou a ser controlado pelos manifestantes. Apenas ambulâncias e outros veículos de urgência podem furar o bloqueio.

Como o objetivo é protestar contra os governos Federal e Estadual, após um intervalo de aproximadamente meia hora alguns veículos são liberados para seguirem viagem. Mesmo assim, em razão da manifestação, divulgada nas redes sociais, o tráfego diminuiu em mais de 70% neste segundo dia de manifestação. Mesmo assim uma fila quilométrica se formou na CE-060.


Apenas as ambulâncias estão sendo liberadas para furarem o bloqueio na CE-060. (Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)

A manifestação acompanha os atos realizados em outros pontos do Estado e do Pais desde a segunda-feira (21). O preço do diesel nos postos de combustíveis da região já e superior aos R$ 4,50. A gasolina está a um décimo dos R$ 5,00. Por esses motivos a interdição, pacífica vai continuar, explicou um dos manifestantes, pedindo para não ter seu nome revelado.


Até as motocicletas estão sendo proibidas de cortar as barricadas nos trechos da CE-060. (Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)

Ontem, a rodovia federal BR-116, foi interditada na altura do quilômetro 17, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e também no Anel Viário de Maracanaú, na região metropolitana de Fortaleza. No Interior do Estado, também houve bloqueio da BR-020, no município de Boa Viagem, Sertão Central.


Total de acessos: 178285

Visitantes online: 35