Carregando...

Publicidade

Craque e esperança de gols de Portugal, Cristiano Ronaldo teve uma apresentação apagada contra o Irã. O astro português ainda perdeu um pênalti. (Foto: AFP)

Portugal Classificado: Emoções e muito "VAR".

Em jogo eletrizante, Cristiano Ronaldo perde pênalti, Portugal empata e encara o Uruguai nas oitavas.

26/06/2018

Em um dia apagado de Cristiano Ronaldo, a seleção de Portugal saiu na frente contra o Irã e dominou o jogo, mas cedeu o empate por 1 a 1 no final e esteve perto de levar a virada nos acréscimos, nesta segunda-feira, em Saransk. Apesar do tropeço, que contou até com pênalti perdido pelo astro do Real Madrid, o time português avançou às oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia, quando enfrentará o Uruguai

A equipe de Portugal, que chegou a liderar a chave no decorrer da rodada desta segunda-feira, terminou em segundo lugar do grupo, com os mesmos cinco pontos da Espanha. Os espanhóis levaram vantagem por terem mais gols marcados (6 a 5). Com 4 pontos, o Irã foi eliminado, assim como já estava o Marrocos, com apenas um.

O suado empate português, que por pouco não virou derrota, foi marcado pelo belo gol de Quaresma, de trivela, ainda no primeiro tempo. No segundo, os portugueses caíram de rendimento, na mesma proporção da "ausência" de Cristiano Ronaldo em campo. No fim, o Irã cresceu. Empatou com um gol de pênalti confirmado pelo VAR (árbitro de vídeo, na sigla em inglês). Nos instantes finais, Mehdi Taremi quase anotou o gol da virada, dando um susto na defesa portuguesa.

Cristiano Ronaldo e companhia vão voltar a campo neste sábado, às 15 horas (de Brasília), no Fisht Stadium, em Sochi. A Espanha vai enfrentar a anfitriã Rússia, segunda colocada do Grupo A, neste domingo, às 11 horas (de Brasília), no estádio Luzhniki, em Moscou.

Polêmicas

Incomodado com o baixo rendimento, o técnico português Fernando Santos sacou o trio e deu chance a André Silva, Adrien Silva e Quaresma. Os novos titulares não chegaram a resolver as limitações do meio de campo de Portugal. Mas ao menos deixaram a equipe em vantagem no primeiro tempo.

Quaresma, em lance individual, deixou Portugal em vantagem ao marcar belo gol, de trivela, aos 44 minutos de jogo. Com o lance, que é quase uma marca pessoal, o meia-atacante resolveu com um chute só dois problemas da sua equipe contra o Irã.

A desvantagem no placar, obrigou o Irã a sair para o ataque no início do segundo tempo. Para piorar a vida do Irã, o juiz anotou pênalti duvidoso sobre Cristiano Ronaldo, mesmo com o auxílio do árbitro de vídeo. Menos mal para os iranianos que o craque bateu mal e Ali Beiranvand saltou no canto esquerdo para fazer a defesa.

Em partida muito aquém do esperado, Cristiano Ronaldo ainda correu risco de expulsão aos 37 minutos ao fazer uma falta desnecessária no meio de campo. O árbitro chegou a consultar o VAR, com possibilidade de usar o cartão vermelho, mas assinalou somente o amarelo. Quando a partida parecia decidida, o Irã ressuscitou com uma ajuda do então criticado VAR. O árbitro confirmou pênalti, convertido por Ansarifard aos 47 minutos. E, na base da pressão, os iranianos quase anotaram o segundo gol, já aos 49.



Total de acessos: 196955

Visitantes online: 5