Carregando...

Publicidade

Segundo a organização do seminário, realizado na Fiec, 91 pessoas estiveram presentes no evento sobre as possibilidades de investir nos EUA. (Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)

Por Visto Permanente: Cearenses buscam opção de investir e imigrar nos EUA.

20/07/2018

Incertezas com o desenvolvimento econômico do País e com o cenário político em ano de eleição presidencial está fazendo com que 94 cearenses busquem alternativas para investir e imigrar legalmente nos Estados Unidos. Procurando uma alternativa de planos futuros, os interessados participaram, ontem, do seminário "Investir e Imigrar legalmente para os EUA", na Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec), às 18h.

Promovido pelo escritório de advocacia internacional George Cunha, o evento também contou com a participação do CEO do New York City Regional Center, um dos maiores Centros Regionais no país norte-americano, para falar do programa EB-5 (Employment-Based Immigration). A iniciativa oferece vistos permanentes (green cards) a investidores estrangeiros que aportarem a quantia de U$ 500,000 (R$ 1,942 milhões) em um novo empreendimento comercial através de um investimento direto ou indireto, desde que esteja situado em uma área considerada menos privilegiada, ou TEA (Targeted Employment Area).

Condições

O novo empreendimento comercial, nos EUA, deve gerar dez novas vagas de trabalhos para americanos ou residentes legais por um período mínimo de 02 anos, e os recursos investidos devem ser comprovadamente de origem lícita. Segundo o advogado George Cunha, representando o escritório de advocacia, o visto EB-5 permite a os brasileiros um período maior de despreocupação em relação aos outro tipos de visto quanto a renovação de documentos.

Os investidores com o EB-5 não precisam solicitar a renovação a cada período de 02 ou 03 anos, como é o caso dos vistos para não imigrante L1 e E2, explica Cunha. O advogado ainda comentou que a sensação de insegurança no Brasil e, principalmente, no Ceará, é o que mais atrai pessoas a buscar esse tipo de alternativa de imigração.

Além disso, segundo ele, a força do mercado norte-americano quanto ao retorno do investimento também colabora para a decisão final de mudar para os Estados Unidos. "O tempo médio de retorno de investimento é de 5 anos, mas nós estamos apresentando, no evento, um parceiro que retorna esse dinheiro em 4 anos e meio", disse George.



Total de acessos: 240288

Visitantes online: 1