Carregando...

Publicidade

Após a sua aposentadoria das pistas, ocorrida logo após participar do Mundial de Londres, em 2017. (Foto: AFP)

Usain Bolt treinará em time de futebol australiano.

08/08/2018

Aposentado das pistas de atletismo desde o ano passado, Usain Bolt segue firme em seu objetivo de se tornar um jogador profissional de futebol. Dono de oito medalhas de ouro olímpicas e detentor dos recordes mundiais das provas dos 100m e 200m, o astro jamaicano acertou acordo para treinar pelo time Central Coast Mariners, da primeira divisão da Austrália, por tempo indeterminado.

No mês passado, o clube baseado na cidade de Gosford, que fica a 76 quilômetros de Sydney, já havia confirmado que o ex-velocista treinaria por seis semanas dentro das suas instalações, mas agora informou, por meio de comunicado oficial divulgado, que ele irá trabalhar no local em um "período indefinido de treinamentos".

O Central Coast Mariners, porém, avisou que esse novo acordo "não garante um contrato de jogador profissional, mas proporciona ao oito vezes medalhista de ouro olímpico uma oportunidade de alcançar o seu ardente desejo de jogar futebol profissionalmente".

Após a sua aposentadoria das pistas, ocorrida logo após participar do Mundial de Atletismo de Londres, ocorrido em agosto de 2017, Bolt já realizou treinos no Borussia Dortmund, da Alemanha, e no Strømsgodset, da Noruega, clubes que lhe abriram as portas para que ele pudesse ao menos trabalhar em suas respectivas estruturas.

Festejo

Ontem o jamaicano festejou a chance que ganhou na equipe da Oceania. "Estou muito empolgado por vir para Austrália e gostaria de agradecer ao proprietário e ao técnico do Central Coast Mariners por me darem esta oportunidade", disse Bolt, de 31 anos, garantindo também que segue empenhado para se tornar um jogador de futebol.

"Tem sido o meu sonho jogar futebol profissionalmente e eu sei que isso envolverá muito trabalho duro e treinamento para chegar ao nível exigido", disse.



Total de acessos: 217921

Visitantes online: 4