Carregando...

Publicidade

O lateral Fagner, desconvocado dos amistosos da seleção por causa de uma lesão, se recuperou antes do previsto e treinou entre os titulares. (Foto: Reprodução/Corinthians)

Copa do Brasil: Mengo e Timão duelam hoje.

12/09/2018

A Copa do Brasil se tornou uma "tábua de salvação" para Flamengo e Corinthians no segundo semestre. Para o time paulista, a situação é dramática. Preocupado com a queda nas oitavas de final da Copa Libertadores e a má fase no Campeonato Brasileiro, trocou de treinador. Jair Ventura vai ter de consertar todos os setores, defesa e ataque, mas restam apenas 4 jogos até a taça.

O Flamengo está vivo no Campeonato Brasileiro, mas discute, a cada rodada, a permanência do técnico Maurício Barbieri. Também está fora do torneio sul-americano. Chegar à final da Copa do Brasil seria uma trégua na insatisfação das duas maiores torcidas do País. E será nesse cenário que os times vão duelar hoje, às 21h45, no Maracanã, no jogo de ida das semifinais.

Prioridade

A Copa do Brasil foi definida pela diretoria como prioridade assim que o Corinthians foi eliminado pelo Colo-Colo nas oitavas de final da Libertadores. Com uma vitória nos últimos oito jogos do Brasileirão, a equipe se limita a sonhar com uma vaga na próxima Libertadores. A diferença para o último que se classificaria hoje (Grêmio) é de 11 pontos (41 a 30).

"Não que classifico em primeiro, segundo ou terceiro (em termos de prioridade). É que a Copa do Brasil está mais próxima. Agora é a Copa do Brasil", disse o presidente Andrés Sanchez.

A torcida entendeu o recado. Proibida de entrar no Maracanã em função de uma briga de 2016, a principal organizada do clube convocou seus membros para acompanharem o embarque do time em Guarulhos.

O Flamengo coloca todas as suas fichas neste primeiro jogo. Para isso, preparou um esquema especial para escalar dois jogadores que estavam participando de amistosos nos Estados Unidos: Lucas Paquetá (Brasil) e Cuéllar (Colômbia). Em parceria com o Cruzeiro, o time carioca fretou um avião para trazer a dupla e o zagueiro Dedé, que enfrentará o Palmeiras. O trabalho de recuperação muscular será no voo.

"Estamos fazendo esforços para contar com jogadores que são importantes não só neste jogo. Têm desempenho bom no ano. Não posso dizer quanto vão jogar", disse Barbieri.



Total de acessos: 235341

Visitantes online: 5