Carregando...

Publicidade

Cid Gomes (PDT) disse ter sido colocado em "situação constrangedora" por ser o primeiro a falar no evento. (Foto: Kid Júnior)

Sem "mea culpa", será "bem feito" PT perder a eleição, diz Cid Gomes.

O senador eleito, irmão de Ciro Gomes (PDT), bateu boca com militantes petistas em evento pró-Haddad na noite desta segunda, em Fortaleza.

16/10/2018

Em evento de apoio à candidatura de Fernando Haddad (PT) promovido pelo governador Camilo Santana (PT), na noite desta segunda-feira (15), em Fortaleza, o senador eleito Cid Gomes (PDT) defendeu que, se a legenda petista não fizer um mea culpa no segundo turno da disputa presidencial, será "bem feito perder a eleição". Alguns apoiadores do PT reagiram às declarações com vaias, as quais Cid respondeu chamando um militante de "babaca". "Babaca! Babaca! Isso é o PT, e o PT desse jeito merece perder, pra rimar, só pra rimar. Babaca, vai perder a eleição. É isso aí, é esse sentimento que vai perder a eleição", retrucou.



Cid Gomes foi o primeiro a ser chamado para fazer pronunciamento no evento. Já no início da fala, o ex-governador disse que foi "tomado de surpresa" e colocado "numa situação constrangedora", uma vez que esperava que um representante do PT abrisse as falas da noite.

Ele afirmou que, no atual cenário, vê "duas alternativas" para partidos que se colocam contra a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL). "Uma alternativa é a gente fazer de conta, futebol é isso mesmo, tem dois turnos, no segundo turno a gente tem que escolher", disse, comparando-se a um beija-flor que transporta água com o bico para apagar incêndios.

"Ciro deve se preservar e pensar em 2022", afirma Cid Gomes

Na outra alternativa, porém, o pedetista argumentou que, se o Ceará quiser "dar um exemplo para o Brasil", o PT deve fazer um mea culpa. "Eu conheco o Haddad, é uma boa pessoa, tenho zero problemas de votar no Haddad, é uma boa pessoa, mas fica algum companheiro do PT que me suceda aqui na fala, se quiser dar um exemplo para o País, tem que fazer um mea culpa, tem que pedir desculpas, tem que ter humildade de reconhecer que fizeram muita besteira", declarou. Ao ouvir a reação de um petista, ele completou: "Pois tu vai perder a eleição! Não admitiu mea culpa, não admitiu os erros que cometeram, isso é para perder a eleição, e é bem feito . É bem feito perder a eleição!".

Coube ao governador Camilo Santana colocar panos quentes no ambiente conturbado, minimizando as críticas de Cid.



Total de acessos: 237982

Visitantes online: 11