Carregando...

Publicidade

Fortaleza se prepara para jogo com o Pacajus. (Foto: Camila Lima)

Fortaleza enfrenta Pacajus tentando assumir liderança do Estadual

Tricolor precisa de qualquer vitória para terminar a rodada na primeira colocação do Campeonato Cearense. Técnico Rogério Ceni deve mudar time e Yuri César pode estrear. Pacajus joga última cartada para tentar seguir vivo.

Fonte: Diário do Nordeste
11/03/2020

Na medida que o Campeonato Cearense vai se afunilando, as disputas acirram. Não somente por uma vaga entre os quatro semifinalistas, mas também por uma melhor colocação na tabela de classificação, o que garante vantagem no mata-mata. É já visando a liderança do Estadual que o Fortaleza entra em campo hoje, às 20 horas, para enfrentar o Pacajus, na Arena Castelão.

A partida, adiada pela 3ª rodada e que deixará todos os times com o mesmo número de jogos, vale a ponta da tabela ao Tricolor. Vitória simples basta para fazer a equipe de Rogério Ceni chegar aos 12 pontos, ultrapassar o rival Ceará e assumir a primeira colocação restando duas rodadas para o fim da 2ª fase, já praticamente garantindo a classificação para as semifinais.

O técnico Rogério Ceni sabe da importância do confronto, mas deverá mandar a campo um time modificado em relação ao que venceu o CSA por 1 a 0, no último sábado. A necessidade de evitar desgaste de jogadores obriga o treinador a realizar gestão de elenco, o que, por outro lado, serve como oportunidade para aqueles que ainda buscam por espaço no time principal.

Por isso, nomes como Jackson, Nenê Bonilha, Marlon, Edson Cariús e Ederson devem ir a campo hoje. Por outro lado, o volante Michel e o atacante Madson serão desfalques para a partida.

Já o meia-atacante Mariano Vázquez, que tem sido um dos destaques do Fortaleza neste início de ano, mas ficou fora das últimas partidas por conta de incômodo muscular, voltou a treinar normalmente e há a expectativa que ele volte a ser relacionado.

Quem também pode já ganhar oportunidade é o atacante Yuri César, recém-contratado pelo Tricolor e que foi apresentado ontem. O departamento de Futebol do Leão do Pici agiu rápido e já regularizou o jovem, de 19 anos, que está apto para estrear e pode ser a grande novidade no jogo de hoje. O meia-atacante chega para ajudar a suprir uma carência do elenco leonino: a de atacantes de velocidade que jogam pelos lados do campo.

"Minha característica é ser rápido, tenho um ótimo um contra um. Como vocês falaram, o moleque é liso. Então, procuro ir pra cima e sou um ótimo finalizador. Podem esperar isso de mim", disse Yuri em sua apresentação, sem modéstia, e admitindo que tem Osvaldo como uma das principais referências.

"Ele já atuou em grandes clubes, é um cara muito habilidoso, que tem um estilo de jogo parecido com o meu", revelou.

Última cartada

Se a partida é importante para o Fortaleza, que busca a liderança do Estadual, é também extremamente decisiva para o Pacajus, que joga sua última cartada no Estadual em busca de uma vaga entre os semifinalistas.

Atualmente na 6ª posição, com somente três pontos, o Índio do Vale do Caju só terá chances de classificação caso vença o jogo. Empate já acaba com as possibilidades de avançar de fase.

Por isso, o técnico Júnior Cearense deve montar uma equipe precavida, mas que não abrirá mão de tentar a vitória no Castelão.


Total de acessos: 407199

Visitantes online: 1