Carregando...

Publicidade

(Foto: Reprodução/Diário do Nordeste)

Estadual 2018: Campeonato Cearense: Três grandes jogam por vantagens.

Restando duas rodadas para o fim da 1ª fase, Leão, Vovô e Ferrão precisam pontuar para ter vantagens futuras.

17/02/2018

A 1ª Fase do Campeonato Cearense está próxima de seu desfecho, restando apenas duas rodadas para os 6 classificados para a fase seguinte e os dois rebaixados para a Série B serem definidos. Mesmo com o Fortaleza e Ferroviário já classificados com antecedência e o Ceará praticamente na fase seguinte - a equipe pode até entrar em campo no domingo já classificada caso o Horizonte não vença seu jogo no sábado - o Trio de 'Ferro' precisa manter a motivação nas duas rodadas finais por benefícios que o regulamento do Estadual indica.

Hoje o trio ocupa as três primeiras posições do Estadual. Para eles, conquistar o maior número de pontos possíveis nas duas rodadas finais e terminar entre os 4 primeiros garante ter mais mandos de campo na 2ª Fase e mais para frente, um benefício que já decidiu títulos: a vantagem de dois resultados iguais na decisão do campeonato para a equipe de melhor campanha somando os pontos de todas as fases. Só para exemplificar, o Ceará foi campeão cearense em 2014 e 2012 contra o Fortaleza e em 2013 diante do Guarany de Sobral pela vantagem de dois resultados iguais, em todos os casos, levantando a taça com empates.

Pelo regulamento, os três primeiros colocados da 1ª Fase terão três mandos de campo, contra apenas dois do 4º, 5º e 6º colocados.

Equilíbrio

E com 7 rodadas disputadas, o Leão líder com 15 pontos, o Tubarão da Barra, o vice com 14, e o Alvinegro, o 3º com 13, ainda não se 'desgarraram' dos outros três que fecham o G6: o Uniclinic tem 13 pontos, além de Floresta e Iguatu com 12. Ou seja, os três gigantes do futebol cearense ainda estão com suas posições ameaçadas e se não pontuarem bem nas rodadas finais, podem ter menos mandos de campo que seus rivais ou lá na frente jogarem a decisão em desvantagem.

O técnico do Ceará, Marcelo Chamusca, admitiu estar atento ao regulamento do Estadual, por isso o clube ainda ambiciona a liderança ao fim da 1ª Fase.

"Saímos de uma posição fora do G6 e já aproximando dos líderes. E temos ambição de buscar o topo, brigando ali entre os 3 primeiros, até para ganhar uma situação melhor de mandos de campo na 2ª Fase e sempre próximos da liderança da classificação geral, que pode nos ajudar lá na frente", declarou o técnico do Vovô.

No Ferroviário, o treinador Ademir Fonseca espera que sua equipe, em grande fase após três vitórias seguidas e a heroica classificação na Copa do Brasil consiga se manter entre os melhores do Estadual:

"Temos uma grande oportunidade de fazer história. Garantimos nossa classificação para o hexagonal e agora vamos lutar pela liderança. Quando um grupo pega gosto pela vitória, ele se torna vencedor. E vitória chama vitória", declarou.

O zagueiro Diego Jussani diz que o Fortaleza tem buscado sempre a 1ª posição pelas vantagens que a colocação oferece: "A gente pensa em se classificar em primeiro, porque o campeonato diz tudo, quem se classifica em primeiro sempre tem vantagem na semifinal e posteriormente na final. Fazer um bom saldo de gols. O Rogério está colocando o que há de melhor, pensando na liderança", disse.



Total de acessos: 237979

Visitantes online: 24