Carregando...


Mais Noticias

Ações no Ceará incitam debates sobre alteração na Lei Antiterror.


Os ataques criminosos no Estado reacendem o debate nacional sobre a proposta de alteração da Lei 13.260/16, criada para as Olimpíadas. Na área jurídica há questionamentos sobre a efetividade do endurecimento da norma.

Tony Guerra doa valor de guitarra para banda que teve ônibus queimado em Fortaleza.


Cantores se mobilizam nas redes sociais por doações ao grupo.

Açude Castanhão sofre com a longa seca e tem situação delicada.


Sem recargas significativas, o maior açude público de usos múltiplos do Brasil continua abastecendo, com muito esforço, municípios vizinhos e a Capital. Prognóstico da Funceme para os próximos meses sai no fim desta semana.

Fortaleza tem primeira madrugada sem ataques após 13 dias de ações criminosas no Estado.


Desde o dia 2 de janeiro, ocorreram 205 ataques criminosos em 46 cidades.

Quadrilha é presa com coletes, distintivos e farda da Polícia Civil.


Ao menos sete suspeitos foram detidos em duas residências em Caucaia e houve troca de tiros na chegada da PM a um dos imóveis.

Áudios indicam que presidiários comandavam ataques no Ceará.


Entre os áudios dos detentos estão ameaças de ataques, indicações de alvos, até procedimentos de como os criminosos deveriam agir.

Suspeitos expõem motivos de participarem dos ataques.


Um dos capturados por quebrar lâmpadas nas vias de Fortaleza contou em depoimento na delegacia que o crime foi cometido em troca de R$ 10 em drogas.

Fortaleza registra mais ataques criminosos durante a madrugada.


Pelo menos 4 veículos foram queimados. É o 6º dia seguido de violência.

Região Norte do Ceará deve receber "apoio maior" de policiais da Bahia.


Estratégia foi confirmada pelo comandante de policiamento estratégico da PM-CE, Márcio Oliveira.

Cai número de ataques no Ceará, diz Ministério da Justiça e Segurança.


A Força Nacional começou a atuar no estado no sábado.


Publicidade

Total de acessos: 245002

Visitantes online: 2