Carregando...


Mais Noticias

Custo do transporte é o principal entrave à exportação.


Estudo elaborado pela Confederação Nacional da Indústria em parceria com a FGV demonstra a insatisfação dos exportadores com gargalos antigos e ainda não superados.

Ipea: 23% dos jovens brasileiros não trabalham nem estudam.


As razões para esse cenário, são problemas com habilidades cognitivas e socioemocionais, falta de políticas públicas, obrigações familiares com parentes e filhos, entre outros.

Ceará o 4º estado do Nordeste com mais empreendedores digitais.


O primeiro semestre de 2018 já registrou um faturamento de R$ 23,6 bilhões de reais.

3º trimestre registra maior número de empregos em 4 anos.


A quantidade de postos de trabalho criados, no Ceará, em agosto, setembro e outubro deste ano superou a marca de 3 mil. Ao menos dez municípios são responsáveis por 77,09% deles.

Estado tenta adiar vinculação do teto de servidores ao do TJCE.


Governo reagiu à sanção do reajuste do STF e enviou PEC à AL para prorrogar teto de servidores do Executivo ao salário do governador por mais dois anos.

Sem ferrovias, Ceará gasta quatro vezes mais em transporte por estradas.


Sem investimentos significativos em ferrovias, o Ceará ainda recorre ao modal rodoviário para transportar insumos e cargas, perdendo competitividade em alguns setores.

Ajuste fiscal e enxugamento da máquina deverão ser foco do Estado.


Postura foi confirmada pelo secretário de planejamento, Maia Júnior, durante o XIV Encontro Economia do Ceará em Debate. Contudo, o titular da Seplag não detalhou os planos para o segundo mandato do governador Camilo Santana.

Ceará não precisaria criar órgão de privatizações.


Com "arquitetura econômica" bem estruturada, modelo de desenvolvimento do Estado, com PPPs, recebe elogios de economistas após decisão de Paulo Guedes.

Ivan Monteiro, da Petrobras, é cotado para assumir o Banco do Brasil.


A proposta foi feita a Monteiro pelo futuro ministro da Economia, Paulo Guedes.

Conexões de fibra ótica expandem em 70 mil % e impulsionam a economia do Ceará.


Desde a implementação, em 2011, do Cinturão Digital, o número de pontos de conexão por fibra ótica disparou no Estado. Melhora da infraestrutura contribui para avanço de parâmetros da educação e saúde no Ceará.


Publicidade

Total de acessos: 239612

Visitantes online: 1