Carregando...


Mais Noticias

3,9 Anos de Reclusão: Pivô de briga em hamburgueria de Fortaleza está entre condenados por furto de R$ 7,5 milhões.


Yngrid de Castro Rosa foi condenada a 3 anos, 9 meses e 25 dias de reclusão por ter ajudado o namorado a cometer os golpes.

Foragido da Justiça: Traficante do PCC na fronteira do País é preso no CE.


O suspeito foi detido dentro de um motel, com amigos, e disse que estava no Crato para curtir um festival.

Perda do Centrão: Ciro, agora, está precisando mais ainda do apoio do PSB.


Ele precisa ter discurso compatível com o cargo que disputa, mesmo sendo forte nas críticas e denúncias que faça.

"Operação Valentina": Quadrilha que furtou R$ 7,5 milhões é condenada a 85 anos.


A organização criminosa cearense teria feito mais de mil vítimas em todo o País, segundo estimativas da PF.

Crime na Internet: Polícia alerta sobre golpe de carro inexistente.


Preço abaixo do mercado, fotos com as placas veiculares cobertas e disponibilidade para contato com o vendedor apenas pelo aplicativo WhatsApp. Essas são as características de um golpe que vem vitimando interessados em adquirir automóveis, no Cea...


Até 90 Dias: Centro Regional de Inteligência tem prazo anunciado.


Conforme a SSPDS, o equipamento será inaugurado no Palácio Iracema, até o mês de outubro deste ano.

No Montese: Criminoso da lista dos mais procurados do CE é detido.


Um dos 16 criminosos mais procurados pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Antônio Mardônio Lopes Alves, o 'Cancão', de 35 anos, foi preso, na tarde de ontem, enquanto transitava pela Avenida Gomes de Matos, no bairro Mon...


Area Nobre: Líder da facção comandava o tráfico de um flat de luxo na orla de Fortaleza.


Segundo a PM, toda semana "Celim" ia pessoalmente ao Barroso arrecadar o dinheiro do tráfico.

No Dionísio Torres: Fundador e líder da GDE é preso em carro blindado.


"Celinho" é acusado de ordenar Chacina das Cajazeiras e de expulsar famílias da comunidade "Babilônia".

Venda de Liminares: Cinco magistrados investigados custam R$ 173 mil ao Estado.


A soma do montante pago aos magistrados suspeitos consta nos dados informados pelo portal do CNJ.


Publicidade

Total de acessos: 178339

Visitantes online: 88